#AgoraÉQueSãoElas

Um espaço para mulheres em movimento

 -

Uma tribuna de muitas vozes femininas e feministas, coordenada por Alessandra Orofino, Ana Carolina Evangelista, Antonia Pellegrino, Manoela Miklos.

PERFIL COMPLETO

 

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Uma Resposta para Titi Muller

Por Antonia Fontenelle* Esta semana me vi em meio a uma polêmica, desta vez sendo taxada de “MACHISTA”. Mais um título para a minha coleção. Pois bem, vou dialogar com a minha colega de profissão, atriz e apresentadora Titi Muller, em resposta à sua carta endereçada a mim, através desse mesmo blog. Querida Titi, tenho(…)

Uma Carta Para Antonia Fontenelle

Por Titi Muller* Antonia, Não sou sua amiga, mas peço aqui um espaço para “divergirmos”, usando o termo empregado por ti ao anunciar o video extra do seu canal. Essa semana o nosso nome foi manchete em todos os cantos do Brasil, ao lado da palavra “machista” Eu, por ter criticado ao vivo as composições(…)

“José Mayer me assediou”

As mulheres tomaram as ruas e as redes, desde 2015. A gente convocou protestos, derrubou o Eduardo Cunha, não deixou o Pedro Paulo ir pro segundo turno no Rio de Janeiro. Estamos escrevendo, dizendo, gritando que machistas não passarão. E isso não é frase de efeito. É uma nova ética. É a construção do novo(…)

“Quantas mulheres negras você conhece trabalhando com tecnologia e inovação?”: #PretaLab!

Por Sil Bahia* Outro dia, assistindo ao Tedx da Rapper Preta Rara “Eu empregada doméstica” fiz algumas reflexões sobre as possibilidades que nós mulheres negras e indígenas temos no mundo do trabalho. Assim como a Preta Rara, sou filha e neta de mulheres que trabalharam a vida inteira como empregadas domésticas e também contrariei as(…)

“Ir com Laura a um compromisso é um gesto de resistência”: a política é dos homens para homens.

Por Manuela d’Ávila* Ocupar os espaços públicos enfrentando o significado da invisibilidade do espaço privado parece ser um ponto nevrálgico das lutas emancipacionistas. Qualquer que seja nossa bandeira, em algum momento, nos depararemos com essa questão: da cultura que justifica a violência sexual culpabilizando as mulheres ou que sugere resguardar a violência doméstica ao ambiente familiar à formatação do poder político, compreender(…)

Violências invisíveis: dados sobre a violência contra a mulher negra

Por Mafoane Odara e Samira Bueno* 12 milhões de mulheres sofreram algum tipo de ofensa verbal em 2016. 5,2 milhões foram assediadas e humilhadas publicamente no transporte público. 4,4 milhões sofreram uma violência física como tapa, chute ou soco. 1,4 milhões foram espancadas ou sofreram tentativa de estrangulamento. Em 61% dos casos por conhecidos. Em(…)

“Mas eu não sou assim”: o poder do livro infantil

Por Janaina Tokitaka* Ainda que eu seja autora e ilustradora editorial, tenho certeza que nunca mais vou ler com a mesma atenção e intensidade que eu dedicava às minhas leituras na infância. Livros infantis são muito poderosos. A fantasia, a possibilidade de habitar cenários diferentes da minha realidade, os personagens carismáticos e situações improváveis típicos(…)

Blogs da Folha